Pesquisa

Slide

31 dezembro 2014

20 coisas que só quem é viciado em jogos de dança entende


Não importa se é Kinect ou Wii, se é Just Dance ou Central Dance, se é Michael Jackson The Experience ou Grease Dance.
1. Não adianta: aquele alerta de que talvez seja melhor você descansar um pouco não faz a mínima diferença para você.
No mínimo, você dá um pause para beber uma água ou esperar chegar a sua vez, se você estiver jogando em grupo.
2. Você escolhe a mesma música mil vezes seguidas só para decorar a coreografia e zerar a pontuação.
3. O item acima faz com que você acabe selecionando sempre as mesmas canções.
A lista de músicas é imensa, mas você sempre dá o play naquelas cinco ou seis preferidas.

30 dezembro 2014

Significado de cada alimento no Ano Novo


A ceia de Ano Novo traz, em sua comida e sua forma de servir, muitos significados.

A começar pela fartura, pela imensa quantidade de comida que geralmente encontramos à mesa nessa ocasião, que reflete não só um momento de abundância e felicidade, mas o desejo de que as mesmas se repitam em  todo o ano que está por vir.

Os pratos servidos também têm seus significados e tradições. Eles variam de acordo com o país e cultura.

Abaixo, uma lista com os alimentos que são servidos nas ceias ou que carregam alguma significação na passagem do ano.

As fotos que melhor representam 2014!


Selfie do Oscar, contusão do Neymar, Bieber preso e outras imagens marcantes
No dia 23 de janeiro, Justin Bieber foi preso em Miami por dirigir sob o efeito de maconha e remédios. Essas fotos dele sendo fichado pela polícia rodaram o mundo e até foram parar na capa da CAPRICHO.

29 dezembro 2014

333 curiosidades


1. Falar com mulheres deixa homens mais burros
O doutor Johan C. Karremans, da Radboud University of Nijmegen nos Países Baixos, promoveu duas pesquisas, publicadas no Journal of Experimental Social Psychology, para mostrar que interações entre sexos causam uma queda temporária nas funções cognitivas do cérebro. Nos testes, homens e mulheres tiveram que conversar com estranhos de ambos os sexos e, ainda, preencher testes matemáticos e de associação de palavras antes e depois da interação. O público masculino apresentou uma sensível queda em sua performance depois de conhecer mulheres e quanto mais atraente for a moçoila, maior o declínio nos resultados. O efeito é o mesmo seja o macho casado, solteiro ou comprometido.
2. Ser malvado ajuda você a ganhar mais

-- Histórias românticas #´´




Ele: Boa noite, pequena.
Ela: Boa noite.
Silêncio.
Ele: Já dormiu?
Ela: To quase. Porquê?

Ele: Nada.
Silêncio de novo.
Ele: Pequena?
Ela: Fala.
Ele: Você sabia que você foi a melhor coisa que já me aconteceu?
Ela: Ah, obrigada.
Silêncio de novo.
Ele: Ainda tá acordada?
Ela: TÔ, CARALHO. FALA LOGO.
Ele: Nada não, esqueci.
Ela: PORRA, ALÉM DE NÃO DEIXAR A GENTE DORMIR, AINDA É POR BESTEIRA. BOA NOITE.
Ela dorme e ele começa a rabiscar algumas palavras em um pedaço de papel enquanto uma lágrima escorre de seu rosto.
Ela acorda, vê o lado da cama vazio e um bilhete, parcialmente molhado.
"Bom dia, meu anjo. Dormiu bem? Espero que sim. Peço desculpas por ontem à noite, mas eu precisava ouvir sua voz antes de dormir. E hoje saí logo cedo, pra uma última caminhada no parque. Lembra que eu disse que fui ao médico há 6 anos, antes de nos conhecermos e ele diagnosticou câncer de laringe? Então, era verdade. Mas o que não te disse é que ele disse que eu tinha 6 anos de vida apenas. E lembra semana passada quando eu fui ao médico, tossindo muito? Ele disse que eu não passaria por essa noite. E lembra que você acordou várias vezes a semana toda comigo tossindo e cospindo sangue? Pois é. Era meu corpo avisando que eu tava no fim. Mas não queria te assustar. Antes de eu partir, espalhei pela casa algumas surpresas. Quero que tire o dia para encontrá-las. Te amo, meu amor. Para sempre".
Com lágrimas nos olhos, ela desce a escada, que estava coberta de margaridas, sua flor favorita. Chegando à sala, um filhote de cachorro com um lacinho no pescoço dormia no sofá. Havia um bilhete: "Sempre quisemos um filho, se lembra? Aqui está.". Ela fez carinho nele e foi à cozinha, chorando. Uma mesa de café da manhã montada: pães, patês, geléias, sucos, frutas, café... E uma foto dele na outra ponta da mesa, onde costumava se sentar. Um bilhete: "Tome um café comigo.". Depois de uma farta refeição, ela caminhou para o jardim. No banco onde costumavam se sentar e ver o pôr do sol, uma caixinha. Dentro, uma aliança com os dizeres "Sempre seu".





           #Ela:  Aquela garota gosta de você, e eu vi você lá com ela, eu não quero sofrer, não de novo, chega pra mim.

                  Ela dá as costas e sai andando, ele a puxa pelo braço. 


28 dezembro 2014

~Voltih~


Oiiie Galera tudo bem com vocês ?

Bem eu voltei de viaje hoje ! (Cheguei por volta das 18:00)

E bem é isso genteeeee !


Tava com saudade de vocês ! <3


#tragopostnovos



Bjs


26 dezembro 2014

Meus cadernos de 2015



Bem gente, eu sei que nem é 2015 AINDA, mas eu dei uma passada na papelaria e não me aguentei, e resolvi comprar uma parte dos meus materiais, e bem, para dar uma ajudada para vocês eu trouxe aqui uma parte do meu material escolar 2015



Vamos Conferir?


Feliz Natal / Avisos / Playlist NOVAAA!!!


Genteeeeee FELIZ NATALLLLLLLLLLLL <3 <3

Bem eu sei que estou um pouco atrazadinha mas o que vale é a intenção né!!!??




Bem eu vou viajar sim, mas isso é mais para frente, então quando as garotas estiverem viajando vocês vão estar cm meus posts




E Bem, Para começarmos o ano bem, preparamos uma playlist para vcs <3

Bem a legenda está separada por símbolos

♥ = Isabella Gomez

★ = Isabela London

✿ = Lara Devonne

∞ = Mary Day

E as músicas são...

Give Me Love - 1x13 - Merry, Merry Christmas!


Anteriormente em Give Me Love...

Melany finalmente saiu do coma, e voltou para sua antiga casa, onde morava com seu pai, sua madrasta e seu meio irmão Enzo, com quem se dava muito bem, e muito mal, quando era menor. Voltou a escola, teve que ir com Enzo é claro, ela odeia ele, mas já conheceu alguém novo, Justin, Enzo parece não gostar dele, Melany não sabe o porque. Hoje é dia de festa.. na casa desse tal Bryan, quem será ele? Que tipo de festa será essa? E por que seus amigos não querem deixa-la ir? E ela foi, foi teimosa, contra a vontade de todos. Agora que ela sabe que é um anjo, o que será que à espera?

1ª Temporada - Ep.13

- Que amigos você tem, contam tudo pra você, não é? - não acredito, que ele estava ali... como ele sabe.

- Pai? O-o que... 

- O que estou fazendo aqui? Vim te ajudar, eles não te contaram porque era perigoso demais, você não podia saber.

- Como sabe? O que? O que está acontecendo, até você sabia? - perguntei confusa.

-Como você já sabe, você é um anjo filha. Um anjo raro, só nascem dois a cada 2000 anos.

- Por quê não me contaram isso antes?

- Porque era perigoso demais, você corre perigo, muito perigo. - disse ele.

-Hm.. perigo.. 



- Eu estou falando a verdade, acredite em mim, estamos aqui para te proteger.

- Ta então me conta tudo, me conta o resto da história, do começo ao fim.

- Eu, eu não posso, sinto muito eu.. - interrompi ele.

- O fato de eu ter ficado em coma e sonhado aquelas coisas loucas que pareciam reais estão ligadas a isso nãe é? 

- Eu tenho que ir agora e você tem que dormir, pois amanhã é Natal. Então vamos fazer uma festa de Natal, como fazemos todo ano, chame seus amigos se quiser.

- Mas... - não deu tempo de completar a frase ele tinha saído pela janela, meu pai, saindo da própria casa, pela janela... ai o que tá acontecendo aqui. Virei de lado e fiquei pensando nisso tudo até cair no sono.





- BOM DIA FLOR DO DIA, HORA DE ACORDAR - ahh era o Enzo, abrindo as cortinas do meu quarto.

- Me deixa dormir. - falei manhosa.

- Vamos, vamos, você tem que se arrumar pra nos ajudar a arrumar a casa pra festa de hoje, ah e a mamãe quer que a gente vá pegar as decorações na loja. - levantei da cama parei na frente dele e falei:

- Olha bem pra minha cara de vontade de ajudar vocês a arrumar a casa pra festa. - ele ficou me encarando por um tempo.

- Olha bem pra minha cara de quem liga. - ficamos nos encarando até que eu ri.



- Vou me arrumar - falei indo em direção ao banheiro.

- Tudo bem, espero você la em baixo. - falou.

- Ok.

 Terminei de me arrumar e desci para tomar café.

- Bom dia filha. - falou meu pai todo felizinho, como se nada tivesse acontecido ontem. 

- Bom dia. - falei mordendo uma rosquinha.

- Bom como vocês sabem, hoje tem a festa de Natal em família que fazemos todo ano, seus avós virão, então você e Enzo ão pegar as decorações enquanto seu pai pega as comidas e eu arrumo aqui ok ? - disse Elizabeth.

- Ah, tudo bem. - falei sorrindo.

- Então vamos, se não não da tempo. - falou Enzo.

- Ok, vou pegar minha bolsa. - corri lá pra cima peguei minha bolsa, meu celular e meus fones de ouvido, talvez precise dele e desci. - Vamos ?

- Vamos. - falou ele.

- Enzo.

- O que foi? - perguntou ele entrando no carro.

- Aquela história...

- Não, não vamos falar disso.. - revirei os olhos.




- Não adianta ficar bravinha, você vai saber, é só ter calma e cuidado, muito cuidado. -  ele olhou no fundo dos meus olhos e sorriu, uau... nunca tinha reparado nos olhos dele.. são... lindos. - Vamos falar do Natal.

- É hoje. - falei. 

- É, e o que você vai me dar? - eu ri.

- O que foi? - ele perguntou. - Já comprei o seu presente, quero o meu agora.

- Calma.. você comprou presente pra mim? - perguntei sorrindo.



- Comprei. 

- Ai meu Deus. Não acredito. Não precisava sabia? - ele olhou pra mim e sorriu.

- Chegamos. - descemos do carro, havia uma loja de presentes do outro lado da rua, eu tinha que comprar algo pra ele, e pro meu pai, e pra Elizabeth.... 

- Enzo.

- Sim? 

- Vou ali e já volto. - falei.

- Vai onde? 

- Ali. - falei e corri pra lá. Tinha muita coisa, não sabia o que levar, ele disse que queria um notbook novo então... vou comprar. 

- Ai meu Deus, me desculpa. - esbarrei em uma mulher sem querer, uma velha na verdade.

- VOCÊ. - disse ela, me assustei com o grito.

- Eu o que?

- EU SABIA QUE ERA VOCÊ, EU ESTOU SENTINDO, MUITAS COISAS LHE AGUARDAM ESSA NOITE QUERIDA - falou e saiu.



 Comprei o que queria e sai da loja, Enzo estava me esperando.

- O que foi? - perguntou ele.

- Nada não. - falei entando no carro, ele começou a dirigir. Finalmente chegamos em casa...

Já de noite...

DIM DOM

- Melany, ATENDE A PORTA. - gritou meu pai da cozinha, os convidados estavam chegando, meu Deus, já tinha muita gente, Luce estava no sofá conversando com Justin, Anne estava brincando com meu cachorrinho, Enzo estava se arrumando ainda, os pais de Anne estavam conversando com Elizabeth, os pais de Justin também estavam aqui, todos os meus amigos estavam aqui se divertindo, os pais deles também, estava tudo maravilhoso e muito alegre, tinha bolacha, tinha tudo, nossa, eu não sabia que eles faziam festas tão lindas assim. A campainha tocou novamente, fui atender, era Camila com seu irmãozinho, seu pai, e sua madrasta.

- Feliz Natal Mel. - disse o irmãozinho dela olhando pra mim.




- FELIZ NATAAAAL. - falei para eles e dei um abraço em cada um. Convidei eles para entrar. Olhei pra trás, Justin estava dançando.

Comecei a rir dele, até que a Camila para do meu lado.

- Já viu que lindo lá fora?

- O que tem la? - perguntei curiosa.

- Vai lá ver. - falou ela, abri a porta da sacada, estava nevando, frio demais, as luzes la fora estavam M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A-S, como as pessoas daqui conseguem fazer essas coisas, o Natal daqui é realmente o melhor.



- Melany? 

- Sim? 

-Feliz Natal. - era o Enzo.

- Feliz Natal. - respondi sorrindo. - Ah, quase me esqueci, aqui está seu presente. - falei entregando pra ele o que comprei.

- Ai, meu, Deus, não acredito que você comprou um notbook pra mim, Melany, você é a melhor. - eu sorri. - Ah, aqui está o seu.

- NÃO. - falei. - Você tá brincando comigo né?

- O que foi?

- UM ABAJUR, O ABAJUR QUE EU QUERIA, MEU DEUS EU TE AMO ENZO. - Abracei ele, como ele adivinhou?

- Eu ouvi você falando que queria um abajur e comprei.

- Obrigada, obrigada, obrigada. - falei dando um abraço apertado nele.

- Obrigada você também, agora.. você quer dançar comigo? - perguntou ele todo fofinho. Olhei em volta, alguns estavam dançando.

Outros estavam dando e recebendo presentes.





Outros... jogando bolinhas do pinheirinho uns nos outros.




- Então? Quer dançar? - perguntou ele denovo.

- É claro. - falei, ele segurou minha mão e fomos dançar. 

- Sabia que.. você tem olhos lindos. - disse ele enquanto dançávamos.

- Obrigada. Você também. - falei, ele foi se aproximando, e se aproximando cada vez mais, até nossas respirações se confundirem.



 MEU DEUS NÓS ESTÁVAMOS NOS BEIJANDO, ME SEGURA ROSANA.

- AHHHH - ouvimos alguém gritando, a luz havia acabado, que lindo. 

- Eu avisei que essa noite teria muitas surpresas. - alguém cochichou no meu ouvido, não era uma voz masculina, então não era o Enzo, nem o Justin, estava tudo escuro, não dava pra ver nada, aquela voz era feminina, mas não era a voz da mulher que havia falado comigo na loja, era diferente...

CONTINUA NA PRÓXIMA SEXTA...

25 dezembro 2014

My Life is a Secret - Ep. 22 / 2ª Temporada


Anteriormente em My Life is a Secret...

 Amy revelou que tem uma filhinha chamada Lara...
Naquela mesma tarde, Zac apareceu e revelou que os dois passaram a infância juntos com uma mulher chamada Katherine Beckher. Ainda, com tudo isso, após o Zac sair, Jason chegou e Loreen resolveu terminar o namoro. Ela ficou triste e não queria sair da cama, então o Leo foi até a sua casa e conseguiu levar ela até uma lanchonete.
Naquela noite, Loreen acordou assustada... Mas foi apenas um estranho pesadelo. Bruna, Loreen e Amy, foram até a loja escolher um vestido para o casamento. Enquanto isso, Zac as convidou para ir até o clube... Lá Loreen e Zac se beijaram e Amy viu... Nesse momento estranho a Loreen recebe um telefonema da mãe de Bruna, falando que ela havia sumido....


Episódio 22 2ª Temporada


Um Natal diferente.


My Life is a Secret...

- "Gente, então vamos procurar a Bruna!" - falou o Zac.

- "Eu sei que vocês estavam em um momento bem divertido assim né... Mas vamos." - falou a Amy.

- "Amy, XIU" - falei.

Então fomos nós três a procura da Bruh.

Eu e o Zac ficamos um pouco mais colados do que sempre.

- "Gente eu deixei ela aqui e voltei." - falou a Amy.

Estávamos perto de uma praça.

E a casa da Bruh ficava a duas quadras dali, então seria pouco provável dela ter se perdido né?

- "Ou ela foi sequestrada, ou decidiu dar umas voltas." - falei.

Eles riram.

- "Vamos procurar no estacionamento ali" - falou a Amy.

- "Não, vamos por aqui." - falei  e comecei a andar eles apenas vieram atrás de mim.

Chegamos perto de um banquinho e demos de cara com a Bruh e outro garoto! 

 

12 coisas que provam: o Natal é a melhor época do ano!


Você também vai ser pego pelo clima natalino.
Algumas particularidades fazem o Natal ser a data mais querida do ano para muita gente. E, vamos combinar, alguns desses motivos não têm nem explicação. Eles simplesmente são frutos do tão famoso espírito natalino. Ele existe. A gente sabe que ele está lá. É tão gostoso sentí-lo! Mas definí-lo é quase impossível, né?
1. A ceia pode ser sempre igual, mas é a melhor de todas
Vamos ser bem sinceros aqui: não estamos falando do clima gostoso de família reuniada. Estamos falando da ceia. Comida. Ponto final. Tirando a parte que as pessoas sempre descobrem um modo de incluir uva passa no rolê (e isso é terrível para quem não curte o alimento), tudo é incrivelmente delicioso. Com gostinho de Natal mesmo! Melhor refeição e melhor "restô-dontê" no dia seguinte!
2. Você já dorme feliz pensando no pedaço de chocotone que vai comer na manhã seguinte
Quer sensação mais maravilhosa? Isso é dormir com a Demi. Quer dizer, com os anjos.
3. Nessa época do ano tem cereja. CE-RE-JA
Já pode fazer a dancinha da alegria, produção?
4. Dependendo do país que você mora (ou que você vai passar as festas de final de ano), tem neve

Ops! Erramos o Snow.
Agora sim:

Não adianta: a maioria dos filmes natalinos que vemos usa a neve como elemento fundamental para criar esse clima festivo do amor. Se você tiver a chance de vê-la de pertinho, aproveite! Ho-ho-ho (mas coloque um casaco!)
5. As ruas, os shoppings, as casas... Tudo fica iluminado
É lindo, tão lindo!
6. A véspera e o Dia de Natal são mais bonitos, mesmo sem nenhuma explicação
Mesmo que você acredite (ou não) em Papai Noel, mesmo que o Natal não seja sua época favorita do ano, mesmo que você tenha brigado no dia anterior com os pais, que queriam assistir ao especial do Roberto Carlos na Globo. Tudo fica mais iluminado nesses dias!
7. Ainda falta muito tempo para as aulas começarem
Já é final de dezembro, mas ainda não é janeiro. Ou seja, você tem praticamente as férias inteiras pela frente. Vai dizer que isso não é uma vantagem?  Se você falar que não... Bem, não vai ter como te defender, amiga! (risos)
8. Você ganha presentes
E não são só os presentes materiais, que também são ótimos, vamos admitir. Tem os presentes que não têm preço: ver a família reunida, fazer um balanço do ano que passou, ser contagiada pelo clima natalino, ver os especiais de Natal ao lado dos pais, receber mensagens de amigos, agradecer...
9. Sem contar que o clima é diferente, não dá para explicar
Não dá. É o clima do Natal! <3
10. Você anda nas ruas e se depara com um coral de crianças...
... isso acontece!
11. Tem sempre alguém que se emociona e te deixa feliz com isso
E, geralmente, essa pessoa é sua/seu bisavó(ô) ou sua/seu avó(ô). Eles têm sempre alguma história para contar. É que, nessa época do ano, as memórias em família ficam mais aguçadas. Por isso, a saudade volta com tudo! Valorize esses momentos, tá?
12. Por fim, parece que as desevenças ficam para depois
Mesmo que o tiro, porrada e bomba volte no dia seguinte. Infelizmente.
Por isso...
UM FELIZ NATAL BEM ESPECIAL DA CAPRICHO PARA VOCÊ! <3